Quais são as alternativas naturais ao Cialis?

Estimulantes sexuais: como escolher? Assim que estes termos são utilizados, é automaticamente a pequena pílula azul que surge como primeira ideia?

Viagra®, Cialis® e Levitra® recordemos, de uma vez por todas, são disponíveis SOMENTE mediante prescrição médica.

O Cialis é um medicamento prescrito para homens adultos que sofrem de disfunção erétil. Ele é produzido, desenvolvido e comercializado pelos laboratórios Lilly e seu princípio ativo é o tadalafila. Somente um médico qualificado poderá conceder uma prescrição de Cialis e você poderá comprar unicamente na própria loja ou em uma farmácia on-line. Problemas de ereção afetam 1 em cada 3 homens após os 40 anos e pode prejudicar muito a vida sexual de um casal. No entanto, também existem alternativas naturais ao Cialis, como os remédios caseiros, bons hábitos a tomar, que podem ajudar a reduzir a frequência e intensidade de seus problemas de ereção. Aqui iremos propor uma lista de dicas para tratar sua impotência naturalmente.

Ter uma alimentação equilibrada

É a base de tudo. Comer alimentos saudáveis diariamente é obviamente bom para o organismo. Com isso, se você seguir uma dieta balanceada, seu organismo irá se sentir melhor, trazendo benefícios também para todos os seus músculos. Evite petiscar durante as refeições, comer gorduras como pizzas, hambúrgueres, batatas fritas e privilegiar legumes, a carne branca e as frutas. Após algumas semanas, você vai se sentir mais saudável e constatará as consequências de maneira geral.

São encontrados na alimentação muitos estimulantes sexuais e especialmente nos alimentos ricos em zinco (ostras, fígado de vitela, carne bovina, lentilhas, pão integral, gema do ovo, flocos de aveia…) e por ter uma dose suficiente (equivalente a 3 a 4 ostras por dia) o zinco é também encontrado em muitos complementos para homens e mulheres.

Frequentemente nos produtos alimentares de consumo, citamos o chocolate negro, a baunilha, o açafrão, o cravo-da-índia, a pimenta caiena, alho ou cebola, aspargos, mas também o aipo e entre todos estes alimentos, o campeão é sem dúvida o gengibre!

De fato, o gengibre permanece como o condimento afrodisíaco por excelência, pois é seu odor muito particular que será a origem de sua qualidade afrodisíaca, e embora seja verdade que aromas têm um papel muito importante na estimulação sexual, é principalmente seu componente (o gingerol) que permite o efeito estimulante, efeito que será aumentado em associação com outros componentes naturais.

Utilizado para massagem ou por via oral, o gengibre é um produto que permite a estimulação do organismo de maneira geral e é então tradicionalmente utilizado como tônico sexual.

Parar de fumar para facilitar suas ereções

Fumar é uma das principais causas de impotência. De fato, se você fuma muito, o tabaco bloqueia suas artérias, a circulação sanguínea é interrompida e o ritmo cardíaco alterado. O sangue chega então de maneira irregular no corpo cavernoso do pênis, o que pode provocar disfunção erétil. Por isso é recomendável parar de fumar (Champix) caso você tenha problemas recorrentes de ereção.

Reduzir seu consumo de álcool

O álcool é um estimulante de curto prazo, mas que cansa o organismo a longo prazo. O lado festivo e casual das bebidas alcoólicas provoca a longo prazo uma diminuição da libido e uma fadiga generalizada. Além disso, ele pode interagir com outros tratamentos sob prescrição e diminuir consideravelmente sua eficácia. É então aconselhável beber com moderação, a fim de reencontrar um novo vigor sexual.

Esporte, um Cialis natural

A prática de uma atividade física é uma condição essencial para manter a forma do corpo. Isto permite se livrar das toxinas, melhorar o ritmo cardíaco e facilitar a circulação sanguínea. Os especialistas recomendam assim, 30 minutos de exercícios físicos todos os dias, para que o corpo possa se sentir melhor. Seus músculos se relaxarão mais facilmente e sua performance sexual melhorará.

Evite beber muito café

O café é um estimulante que é uma das principais causas de hipertensão arterial. E a pressão arterial elevada pode ser responsável por problemas de ereção. Além disso, se você bebe muito café, seu sono será perturbado e seu organismo não será capaz de descansar eficazmente. Um café ou dois por dia é o máximo que você deve tomar.

Arginina

O aminoácido arginina, que se produz naturalmente nos alimentos, estimula a produção de óxido nítrico no organismo, um componente que facilita a ereção dilatando os vasos sanguíneos do pênis. Estudos sobre a eficácia do L-arginina contra a impotência deram resultados mistos. Uma publicação de 1999 do periódico BJU International constatou que as doses elevadas de L-arginina podem ajudar a melhorar a função sexual, mas somente em homens com um metabolismo de óxido nítrico anormal, assim como aqueles associados à doenças cardiovasculares. [1]

Em outro estudo, publicado em 2003 na revista Sex & Marital Theraphy, pesquisadores búlgaros relataram que pessoas que sofrem de problemas de ereção fizeram uso do L-arginina com pycnogenol, extraído da casca do pinheiro, e se observou importantes melhorias na função sexual sem efeitos colaterais. Homens com problemas cardiovasculares conhecidos devem fazer uso do arginina somente sob a supervisão de um médico, pois ele pode interagir com certos medicamentos.

DHEA

A testosterona é essencial para uma libido saudável e uma função sexual normal, e os homens que sofrem de disfunção erétil são conhecidos por terem uma taxa baixa de testosterona, mas seus problemas melhoram quando se beneficiam de uma terapia de reposição da testosterona sob prescrição. Da mesma forma, estudos têm mostrado que o uso de suplementos contendo DHEA, um hormônio que o organismo transforma em testosterona e estrogênio, pode ajudar a aliviar alguns casos de impotência. Mas o DHEA pode causar problemas, tais como a supressão da função da hipófise, acne e queda de cabelo.

O Ginseng

O Ginseng vermelho da Coreia foi utilizado por muito tempo para estimular a função sexual masculina, mas poucos estudos tentaram confirmar seus benefícios. Em um estudo de 2002, com 45 homens que têm disfunção erétil importante, a erva ajudou a aliviar os sintomas da disfunção erétil e “melhorar a rigidez do pênis”. Especialistas não têm certeza de como o ginseng poderia funcionar, mas se pensa que ele possa favorecer a síntese de óxido nítrico.

Suco de romã

Beber suco de romã rico em antioxidantes tem muitas vantagens para a saúde, e inclui uma redução do risco de doença cardíaca e hipertensão arterial. O suco de romã também protege contra a disfunção erétil? Não há nenhuma prova, mas os resultados de um estudo publicado em 2007 são promissores.

Em resumo, existem várias alternativas naturais ao Cialis. Mas, em todo caso, é aconselhável procurar o conselho de um profissional de saúde. No entanto, melhorar seu estilo de vida é uma das precondições para qualquer tratamento.

Outros componentes afrodisíacos

Entre as associações dos principais estimulantes sexuais encontrados na alimentação, plantas ou sob a forma de óleos essenciais, notamos a presença frequente de aminoácidos tais como arginina, ou ainda outros componentes, tais como o selênio, magnésio, guaraná ou taurina..

Assim, um pequeno momento de fadiga passageiro pode ocorrer, não deixe a resignação, a dúvida ou o mal-estar se instalar pois outras soluções além da famosa pílula azul existem e são adotadas a cada situação de falta de desejo sexual, de libido baixa ou de disfunção erétil nos homens. Não hesite em pedir um conselho ao seu farmacêutico caso necessite, para reencontrar rapidamente todo seu vigor, energia e vitalidade com uma sexualidade satisfatória.

Página revista em: 31 Dezembro 2020 por Dr. Ricardo Hernández, Médico por 16 anos